Trastejando

Tudo o que eu quero é um acorde perfeito maior.

Crônica: Meu amigo Pedro

Escrito por em 01/03/2014

Crônica: Meu amigo Pedro

“Pedro, onde cê vai eu também vou.” (Meu amigo Pedro — Raul Seixas)   Eu tenho a sorte de ter alguns bons amigos. Não são muitos. Nem tem que ser. BONS camaradas sempre valem mais do que “muitos”. Mas todos são gente que vale a pena ter do lado. E por mais distantes que estejam (ou que eu esteja), nunca deixam de estar próximos. Mesmo que a distância seja um oceano....

Leia Mais

Violões de corda de aço, parte 3: NÃO é tudo violão folk!!!

Escrito por em 24/01/2014

Violões de corda de aço, parte 3: NÃO é tudo violão folk!!!

Oi! Será que tem alguém querendo saber como terminou a saga do violão novo? Pois é… Muitas emoções até uma conclusão — será um final feliz ou trágico? Será que termina sem final, feito filme de terror? Será que abre espaço pra uma continuação? Eu queria poder responder isso agora… Mas como ninguém mandou nem um mísero comentário perguntando, então EU NUM CONTO!!!! Vou...

Leia Mais

Ícone: Fender Telecaster

Escrito por em 09/12/2013

Ícone: Fender Telecaster

Pausa nas reviews de violão. To sem tempo, cheio de trabalho. E já tá chato. Tô precisando espairecer. Vamo mudar de assunto. Outro dia ouvi falar que a Sessão da Tarde pode sair da grade de programação da Globo. Deu uma sensação ruim, uma tristeza nostálgica. Foi como saber de repente que um velho amigo está muito doente. Me lembrei da primeira vez que o SBT tirou o Chaves da programação. Na...

Leia Mais

Ícone: Gibson SG

Escrito por em 17/07/2013

Ícone: Gibson SG

Meu sogro, um entusiasta de música como eu e que morava fora, voltou ao Brasil trazendo uma máquina de rock — a Gibson SG. Foi a primeira vez que eu vi e toquei numa guitarra desse quilate. Já comentei que minha referência musical de berço é MPB: cresci ouvindo Chico Buarque e Osvaldo Montenegro, pra nomear uns bois. Mas é engraçado que, contrariando uma dessas referências, um blues me cai...

Leia Mais

Ícone: Gibson ES-335

Escrito por em 08/05/2013

Ícone: Gibson ES-335

Sinto falta do tempo em que a TV estimulava minha imaginação. Eu lembro dos seriados da Sessão Aventura e dos filmes que me fizeram sentir e pensar a vida. Morro de pena da geração atual: a TV hoje é só a realidade fútil dos personagens insossos de reality shows, uma ficção pobre de novela… ou uma comédia leve ou pesada mas raramente instigante. Até Hollywood tá nessa: efeitos especiais...

Leia Mais
%d blogueiros gostam disto: